sábado, 23 de julho de 2011

Homenagem


As drogas fazem mais uma vítima. Não há como não ficar espantado ou lamentar... É uma grande perda. 

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Falando em futebol...


Copa de 2002 e los hermanos... rss

Os 9 tipos de Namorados! rss


1. João Bonzinho – "Depois que eu lavar a louça, vamos ficar abraçadinhos e zuntinhos, tá OK, meu benzinho?"
Também conhecido como: João Denguinho, João do Lóvi.
Vantagens: Bem comportado; passa as próprias camisas.
Desvantagens: É tão compreensivo que irrita; perfeito paspalho, shoralitruz.
2. João Ódio Gratuito – "As pessoas são idiotas. Quero que o mundo se exploda ou se imploda, tanto faz. Vamos ficar em casa vendo televisão".
Também conhecido como: João Rasga Tapete, João Que Porra É Essa.
Vantagens: Não fica galinhando por aí; é previsível.
Desvantagens: Chato pra caralho.
3. João Delicado – "Mimimi-midesculpa… seja lá o que eu fiz, deculpi-pipipipi".
Também conhecido como: João Só Digo Sim, João Mil Perdões
Vantagens: Dá um pulo hilário quando toma um susto.
Desvantagens: Se assusta com qualquer miséria; desiste sem tentar.
4. João Bombado – "Fecha a matraca, estou raciocinando".
Também conhecido como: João Açaí Com Granola, João Bravo
Vantagens: Abre qualquer tampa; é fácil de enrolar.
Desvantagens: Pode te partir no meio; sua igual um porco.
5. João Soneca – "zzzzzzzzz"
Também conhecido como: João Boa Noite, João Blecaute, João João JOÃO!!
Vantagens: Alvo fácil; não pode reclamar que não tem descansado.
Desvantagens: Dificilmente vai realizar algum sonho seu.
6. João Serão Extra – "Quem, eu?…"
Também conhecido como: João Gandaia, João Pés de Pluma
Vantagens: Pode ficar se corroendo de culpa.
Desvantagens: Pode estar se divertindo horrores.
7. João Loverboy – "Depois que eu lavar a louça, vamos transar como dois demônios da tasmânia epilépticos, OK?"
Também conhecido como: João do Be-Bop-a-Lula, João Vem Aqui Minha Nega, João da Brinks
Vantagens: Está sempre pronto.
Desvantagens: Está sempre pronto.
8. João Sonhador – "Um dia serei rico e famoso. Não sei como, mas…"
Também conhecido como: João Prometo Q Um Dia, João Acorda Alice
Vantagens: É bom contador de histórias.
Desvantagens: Vai se transformar no João Não Sei O Que Houve.
9. João Todo Perfeito – "Enquanto os criados lavam a louça, façamos amor como dois demônios da tasmânia no cio em meu iate novo, OK?"
Também conhecido como: João Mastercard, João Bolso Sem Fundo
Vantagens: É a resposta às preces de toda mulher.
Desvantagens: Devido à caça predatória, tá praticamente em extinção.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

9 Tipos de Namoradas:

1. Maria Gente Boa – "Entradas pro Maraca? Oh, amor, não precisava!"
Também conhecida como: Maria Amigão, Maria da Galere
Vantagens: Alegre, agradável, bacana.
Desvantagens: Pode cair na real um dia.
2. Maria Azeda – "Seu paspalho, imbecil, demente, neto de uma xuca! Não está vendo que me faz sofrer??"
Também conhecida como: Maria Perdigoto, Maria Megafone
Vantagens: Presta atenção em você.
Desvantagens: Guincha; taca frigideira.
3. Maria Tô-Mal – "Ai, minha cabeça. Minha cabeça. Meus pés. Cólica. Celulite".
Também conhecida como: Maria Escalda Pés, Maria Me Ajude Doutor
Vantagens: É previsível.
Desvantagens: É contagiosa.
4. Maria Mandona – "Senta direito. Muda essa camisa. Corta o cabelo. Larga isso. Vai trabalhar. Não me olha assim".
Também conhecida como: Maria Isso, Maria Aquilo
Vantagens: Está certa muitas vezes.
Desvantagens: Está certa muitas vezes, mas e daí poha?
5. Maria Insatisfeita – "Não consigo me decidir! Devo mudar de facul, de objetivos, de cidade, de tintura?"
Também conhecida como: Maria Dúvida Cruel, Maria Comofas
Vantagens: Se tranqüiliza facilmente.
Desvantagens: Se desespera mais facilmente ainda.

6. Maria Louca Fora de Controle – "Tive uma idéia. Vamos ficar bêbados e transar no quintal da frente. Já fiz isso antes. É divertido, gemza".
Também conhecida como: Maria Locadocudela, Maria Antonieta
Vantagens: Mais divertida que um desenho do Pica-Pau.
Desvantagens: Tira as duas mãos do volante quando está dirigindo; não dá pra confiar nela.
7. Maria Ranca Toco – "Não vejo nenhuma graça nesses quadrinhos idiotas que você vive lendo e rindo feito imbecil".
Também conhecida como: Maria Não Enche, Maria Bom Dia Por Quê?!
Vantagens: Seus amigos terão pena de você.
Desvantagens: Você não terá amigos.
8. Maria da Lua – "Acho que essa dança sagrada vai explicar como me sinto sobre o nosso relacionamento".
Também conhecida como: Maria Incenso, Maria Chama Violeta
Vantagens: Hilária; misteriosa.
Desvantagens: Vai querer ler alto as poesias que faz.
9. Maria Perfeitchenha – "Estou plenamente satisfeita com você exatamente como é, meu namorado lindo, genial e gostoso! Acho que devemos transar como dois demônios da tasmânia albinos agora!"
Também conhecida como: Maria Eu Quero Você Aqui Ó, Maria Opa É Agora
Vantagens: Engraçada, inteligente, desinibida.
Desvantagens: Não terá afinidade nenhuma com você.

terça-feira, 19 de julho de 2011

Cuidem-se

Olá! Hoje já é terça... Julho avança!
Tive um fim de semana bacana e aprendi mais uma lição: "Não devemos julgar as pessoas pelas suas atitudes." Só o fato de julgar não é bacana não é mesmo? Mas na verdade acabamos criando conceitos etc. No meio de uma conversa meio solta e descompromissada, um amigo fez uma confidência... Na hora eu só pude rir, talvez pela situação em si... Devia ter dado um abraço nele. Porque é difícil falar de nós, não é?
Difícil dizer onde dói ou dizer que "está tudo bem", quando na verdade se quer dizer "quero colo, preciso."
Convivemos com determinadas pessoas e ás vezes esquecemos de olhá-las, cuidá-las...
Na medida do possível eu tento. Não estou querendo me fazer de culpado, só que na maiorias das vezes se fala tanto do supérfluo e não se fala da alma, do coração.
Na verdade vivemos em grandes bolhas. Temos a nossa (eu), a da família, a dos amigos etc. Tem horas que fica difícil se enxergar imagine enxergar o outro?
É muito importante se olhar, buscar se conhecer... Essa percepção não é fácil, pelo menos para mim. A terapia é sem dúvida algo que me fez sair um pouco daquela névoa. A maioria das pessoas deveria fazer terapia... Engana-se quem pensa que é coisa de gente louca etc. Uma visão preconceituosa e ignorante.
Morfeu me chama, mas antes vou indicar um filme que vi há pouco:

As Melhores Coisas do Mundo

sexta-feira, 15 de julho de 2011

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Como será?


Me imaginando nesse lugar... Só de olhar dá uma sede! rss
Mas eu gostaria de conhecer. Dever encher os olhos... e a alma!

A aluna Izoléia e a dengue! Muito bom... rss

terça-feira, 12 de julho de 2011

Linha de passe


Para quem quer fugir da mesmice... A vida de uma mãe e seu 4 filhos é o enredo do filme. Como toda família, tudo que um faz repercute no outro. Como uma teia, onde todos estão ligados. Vale a pena conferir!

domingo, 10 de julho de 2011

E o tédio a convidou para dançar...

Estava tão triste que nem ele aguentou ver o semblante que refletia no espelho. Ligou o som, tomou uma dose de vodka e ficou dançando conforme a batida da música.
Algumas doses depois, ouviu ao fundo a campainha tocar. Pelo "olho mágico" percebeu alguém conhecido: o vizinho. Mas o que ele queria aquela hora?!
"Falar do barulho!? Ó céus!!"
Abriu a porta e ele perguntou se estava tudo bem. "Sim estava, tirando a vontade de se matar" - pensou ela. Tudo parecia estar bem, mas não estava. Convidou-o para entrar. Ofereceu uma bebida... Ele quis ser simpático e aceitou.
De repente, o tal vizinho que só conversava amenidades, virou um confidente, quase um amigo de infãncia. Revelou a ele o motivo da tal "festinha" particular... Entre soluços e lágrimas, contou que tinha terminado com seu namorado. Melhor dizendo, ele terminou tudo. Havia sido trocada por outra.
Então, os ritmos das músicas foram mudando, assim como o efeito do álcool mudou o estado de ambos. Agora dançavam juntos, corpos colados... Os sentidos, ficaram mais aguçados! A audição, a visão, o olfato, o tato, o paladar. Ah, o paladar... Beijaram-se!
Só então, ela percebeu que nunca havia reparado no vizinho. Agora o que mais fazia era admirá-lo. Por um momento esqueceu de tudo, do mundo e do tempo! Não existia mais dor! Era uma nova fase que começava. Sentia como se estivesse sendo recompensada...
Jogaram-se no sofá, os beijos eram urgentes... assim como as mãos que procuravam deixá-los à vontade.
Ela já não pensava, só sentia. Não queria saber se depois iria encontrá-lo no corredor e talvez ele nem desse bom dia. Não importava se ele tinha alguém, isso era problema "deles". Naquele momento ela era a atriz principal do filme. Se fosse para fingir, estava pronta. Era quem merecia os aplausos! Não queria saber dos coadjuvantes, esse era o grande momento: O agora!

terça-feira, 5 de julho de 2011

Miojo

Sendo rápido como um brisa vou compor uma poema que não fale de... (não irei escrever). Por que falar de...?
Como criaturas humanas nos ferimos, não só por cortes ou quedas, mas por palavras e ações. Sentimos tão fria a água de uma cachoeira como quando alguém nos diz: "Não."
Temos essa mania de querer... penar! Então, só por hoje esqueceremos os percalços da caminhada... e vamos olhar só para as luzes que permeiam a estrada. A paisagem fica bem mais agradável!
Isso era para ser um poema? Esqueci, mas não falei do que mesmo? rss...